NUNCA TE CONTEI, MAS ESTAVA QUASE

Apesar de ser insegura demais para não dizer em voz alta, sou segura demais para escrever uma carta com nome, data e endereço. Como se você nunca fosse ler.  Então, cá estou eu. Te escrevendo tudo que você deveria saber.  A lua e as estrelas já sabiam que, meus olhos brilhavam mais fortes depois deContinuar lendo “NUNCA TE CONTEI, MAS ESTAVA QUASE”

VOCÊ REALMENTE NÃO SENTE NADA?

Vem cá, você realmente não sente nada? Depois de tudo que aconteceu, depois de tudo que a gente viveu, você não sente nada? Eu já te disse que eu sinto muito, mas honestamente, não sentir nada é um sinônimo de falta de coração. A gente viveu. Querendo ou não, compartilhamos histórias em conversas despretensiosas sempreContinuar lendo “VOCÊ REALMENTE NÃO SENTE NADA?”

O ADEUS DIFÍL DE DAR

O carro parou na frente da casa dela no final da rua. Eu olhei para o banco traseiro sentindo o coração acelerar. Ela limpou a lágrima com o dedo.  — Adeus — disse com fungada. — Vou sentir saudades.  Ela abriu a porta traseira e eu abri a minha. Na rua escura, ela olhou paraContinuar lendo “O ADEUS DIFÍL DE DAR”

A TEORIA DO “RODRIGO” ENTRE OUTROS NOMES

— Na verdade, meu nome é Rodrigo — ele disse levantando a cabeça do prato e me olhando nos olhos — mas como eu sou muito forte, tenho esse apelido. Olhei para ele desconfiada enquanto ele fazia sua melhor cara de sério.  No final da noite, ele me mostrou seu RG provando que seu nomeContinuar lendo “A TEORIA DO “RODRIGO” ENTRE OUTROS NOMES”

EU QUEBREI UM CORAÇÃO UMA VEZ

Estava de noite e eu simplesmente não conseguia mais. Não conseguia fingir um amor que não existia só pela ideia de ter alguém que gostava de me exibir.  Vira e mexe eu me lembro desse dia, pelo o que eu vi nos olhos dele na tela do celular. Não disse a ele que nunca oContinuar lendo “EU QUEBREI UM CORAÇÃO UMA VEZ”