MILITANTE DA ASMA

Assim como Pai Engenheiro, tenho asma. De uma maneira mais leve e não tenho ataques a anos, mas continuo a tendo mesmo assim. O que é perfeitamente normal, certo? Muita gente por aí tem, e não é nada para se envergonhar etc. e tal, mas Pai Engenheiro era militante da asma.  Sim, isso mesmo. ExistiaContinuar lendo “MILITANTE DA ASMA”

O ADEUS DIFÍL DE DAR

O carro parou na frente da casa dela no final da rua. Eu olhei para o banco traseiro sentindo o coração acelerar. Ela limpou a lágrima com o dedo.  — Adeus — disse com fungada. — Vou sentir saudades.  Ela abriu a porta traseira e eu abri a minha. Na rua escura, ela olhou paraContinuar lendo “O ADEUS DIFÍL DE DAR”

LICENÇA, MAS EU VOU ESCREVER SOBRE VOCÊ

Eu não gosto mais de você. Na verdade, não sinto mais nada por você.  Mas você é tão legal de escrever.  Soa infantil e idiota, acredite eu sei, mas você é simplesmente um poço inesgotável de ideias.  Eu penso em você, 20 textos fluem na minha mente e eu não posso fazer nada, além de deixar com queContinuar lendo “LICENÇA, MAS EU VOU ESCREVER SOBRE VOCÊ”

CONVERSA RASA COM QUEM CONHECE PROFUNDAMENTE

Corri esticando a minha mão para segurar a porta do elevador, mas alguém lá dentro, colocou o braço antes, fazendo o favor de me deixar entrar. — Obriga… — disse assim que entrei, mas o rosto familiar me fez esquecer o resto das letras. Era ele.  Ele com aquele terno cinza que tanto gostava eContinuar lendo “CONVERSA RASA COM QUEM CONHECE PROFUNDAMENTE”

PÃO QUASE ROUBADO RECHEADO DE UM QUEIJO QUASE PAGO

Poucas pessoas sabem, mas a minha tia era a diretora da unidade 333 da Cultura Inglesa. O que explica o porquê de eu nunca ter sido expulsa. De qualquer maneira, no meu primeiro dia na Cultura eu deveria ter uns 5, 6 anos e estava muito assustada. Estudava em uma escola pequena que só iaContinuar lendo “PÃO QUASE ROUBADO RECHEADO DE UM QUEIJO QUASE PAGO”

UMA CONTA, UM CARTÃO, CINQUENTA REAIS E NENHUM DINHEIRO

Eu e Prima Pisciana queríamos passar a tarde no Shopping JK Iguatemi. Tínhamos apenas treze anos e não éramos responsáveis o suficiente, a critério de nosso pais, para ter um cartão de crédito ou andar por aí com dinheiro, portanto, tínhamos um cartão pré-pago do banco onde se colocava uma quantia exata de dinheiro aContinuar lendo “UMA CONTA, UM CARTÃO, CINQUENTA REAIS E NENHUM DINHEIRO”

CULTURA INGLESA: UMA OPÇÃO DE VIDA

Poucas pessoas entendem quando eu digo que a Cultura Inglesa não é um curso de inglês, é uma opção de vida. Uma vez lá, leitor, não tem volta. Passei 90% da minha vida na fortaleza unidade 333. O prédio de três andares parece inofensivo a quem o vê na rua, mas quem o frequenta sabeContinuar lendo “CULTURA INGLESA: UMA OPÇÃO DE VIDA”

A TRAGÉDIA DOS TEMPEROS

Ontem Mãe Bióloga presenciou uma tragédia que a destruiu por completo, sua amada coleção de temperos exóticos caiu aos seus pés aos pedaços. Mãe Bióloga se arrisca na cozinha desde que conheceu o Menino Máximo. Ela tinha uma coleção linda com diversos temperos exóticos que colecionava desde a viagem para a Califórnia. Guardava os potinhosContinuar lendo “A TRAGÉDIA DOS TEMPEROS”